CORTIÇA

A rolha de cortiça é um produto que elevou Portugal à categoria de líder mundial do setor e, portanto, deve ser promovido por todos os portugueses. — José Mourinho, treinador de futebol

0 M
de euros de exportações de cortiça em 2014, 2% das exportações de bens nacionais
0 M
de células em cada centímetro cúbico de cortiça
0
países como destino das exportações portuguesas de cortiça

O que é a cortiça?

A cortiça é a casca do sobreiro. É um tecido vegetal 100% natural e é constituída por uma colmeia de células microscópias que têm um gás idêntico ao ar e revestidas sobretudo por suberina e lenhina. Tem uma abrangência de aplicações a atributos que nenhuma tecnologia conseguiu, até hoje, imitar, igualar ou ultrapassar.

Processo de transformação

O ciclo de vida da cortiça, enquanto matéria-prima, começa com a extração da casca aos sobreiros, a que se chama descortiçamento. Depois de extraída, a cortiça entra no processo industrial até à obtenção da infinidade de produtos que podemos encontrar: rolhas, materiais de construção e design, entre muitos outros.

Factos e curiosidades

A cortiça tem histórias para contar. No mundo de um material 100% natural há curiosidades para desvendar. Espreite algumas.

Qualidade

A indústria portuguesa da cortiça inaugurou um novo paradigma de gestão industrial, verticalizando-se para garantir o controlo de toda a cadeia de valor e aproximando-se, simultaneamente, dos polos de produção florestal e dos utilizadores finais. A indústria da cortiça assume, hoje, o comprometimento total com a qualidade e com a satisfação dos seus clientes.

Reciclagem

As rolhas de cortiça são um produto natural, reciclável e reutilizável. Para aproveitar e conservar este recurso tão valioso, um número crescente de países têm-se esforçado por levar a cabo iniciativas de reciclagem, de forma a consciencializar as populações locais para a riqueza deste material. Apesar da cortiça reciclada jamais ser reutilizada para produzir rolhas para vinhos, existem muitas outras aplicações alternativas possíveis. Por exemplo, quadros de afixação, marcadores, bases para copos, pavimentos, revestimento, componentes para a indústria automóvel, material de isolamento, entre muitos outros.

Mercados

Nas exportações, Portugal lidera com uma quota que ronda os 65%, e é, ainda, um grande importador mundial de cortiça que utiliza para transformação e posterior exportação. É também líder na área mundial de sobreiro e respetiva produção da cortiça.

Contacte-nos

Não legível? Mude o texto. captcha txt

Começe a escrever e pressione Enter para procurar