Italianos preferem vinho vedado com cortiça

Home / Estudos / Estudos de preferência / Italianos preferem vinho vedado com cortiça

Italianos preferem vinho vedado com cortiça

Segundo um estudo realizado pela AstraRicerche (empresa de estudos de mercado), 85% dos italianos considera a rolha de cortiça como o melhor vedante para assegurar a qualidade do vinho. Este valor aumenta para os 91% quando considerados apenas os inquiridos com idades entre os 45 e 54 anos. Os consumidores referem, ainda, que a cortiça confere mais valor ao vinho do que os outros vedantes, com 80% das respostas (sendo que o valor sobe para 91% se se considerar apenas os inquiridos entre 45 e 54 anos). No que toca ao ritual de abertura, 88% considera que ao fazê-lo com uma rolha de cortiça é possível aumentar o prazer do consumo do vinho. A rolha de cortiça transmite valores associados à tradição (75%); a uma imagem de qualidade (68%); elegância (59%); e com uma excelente capacidade para proteger o conteúdo e as suas propriedades (58%). Uma percentagem menor, apenas 33%, associa a cortiça à proteção do ambiente e 24% refere como sendo o vedante mais caro.

Um estudo elaborado pela Demoskopea, em 2011, revela que mais de metade dos inquiridos, ou seja, 57%, está disposta a pagar mais por uma garrafa de vinho vedada com rolha cortiça. Quando questionados sobre qual o melhor vedante para o vinho, 85% aponta a rolha de cortiça. Nesta investigação, 97% dos inquiridos concorda que a cortiça é sinónimo de tradição, 83% que protege o ambiente e 77% que dá uma imagem de qualidade ao vinho. Cerca de 90% dos italianos refere que o ritual de abrir a garrafa e cheirar uma rolha de cortiça é “muito importante” e “bastante importante” no ato do consumo do vinho. Os italianos associam o gesto de abrir uma garrafa de vinho a um ritual cheio de charme e elegância.

Contacte-nos

Não legível? Mude o texto. captcha txt

Começe a escrever e pressione Enter para procurar