Cortiça recebe visita do Compete 2020

Home / / Cortiça recebe visita do Compete 2020

Diario Económico

O sector da cortiça vai receber, entre hoje e sexta-feira, o presidente do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização – Compete 2020, Rui Vinhas da Silva, para um conjunto de visitas a unidades industriais representativas dos diferentes subsectores da indústria da cortiça. Haverá, ainda, lugar para a visita ao Centro de Formação Profissional da Indústria de Cortiça (Cincork), ao Centro Tecnológico da Cortiça (Ctcor), e à Associação Portuguesa da Cortiça (Apcor), entidade responsável pela organização das visitas.

O roteiro têm por objectivo dar a conhecer a realidade da fileira da cortiça nos seus diferentes domínios: a transformação dos produtos mais tradicionais como as rolhas de cortiça e a estratégia em curso para garantir o reforço deste produto nos mercados internacionais face à concorrência dos vedantes alternativos. Do mesmo modo, vai haver um olhar atento para a utilização da cortiça no desenvolvimento de novos produtos e o modo como o sector concilia a dimensão de investigação, desenvolvimento e inovação na estratégia em curso.

O forte investimento realizado nos últimos anos pelas empresas e o esforço que o sector está a fazer em termos de promoção internacional, motivaram a realização deste roteiro.

Para o presidente do Compete 2020, Rui Vinhas da Silva, esta visita ao sector da cortiça, inserida na iniciativa do “COMPETE 2020 ao lado de quem cria valor”, pretende aproximar este programa das empresas, com a consciência que os instrumentos económicos ao serviço destas devem contribuir para orientar a economia portuguesa na filosofia de criação e agregação de valor a produtos e serviços inovadores, baseada num entendimento absoluto do ambiente competitivo em mercados internacionais sofisticados, procurando refletir a sua heterogeneidade e especificidades.”

O presidente da Apcor, João Rui Ferreira, refere que “é com muito agrado que recebemos o presidente do Compete nesta jornada pelo sector da cortiça. Temos consciência que o reconhecimento da cortiça no mundo e o consequente aumento das nossas exportações, principalmente nos últimos anos, só foi possível devido ao apoio incondicional que o Compete tem dado ao sector, via a aprovação dos vários projectos de comunicação que a Apcor tem desenvolvido. Esperamos que esta visita sirva para reforçar a visão positiva que o Compete tem deste sector, bem como para intensificar as boas relações estabelecidas entre ambas as entidades.” Esta visita tem, ainda, por objectivo, “dar uma panorâmica do forte investimento que o sector tem realizado para se modernizar, criar produtos mais competitivos e com melhor performance e, do mesmo modo, demonstrar que, nos próximos anos, grandes desafios se apresentam ao sector em particular na inovação do nosso produto nobre, a rolha, mas também nas novas aplicações. As empresas e o sector estão preparadas para superar com distinção estes desafios”, refere o presidente.

E conclui: “de realçar que o sucesso de um sector constrói-se no mercado e, por isso, o sector da cortiça tem de continuar a estar na ordem do dia nos vários países para onde exportamos.”

info@apcor.pt

Contacte-nos

Não legível? Mude o texto. captcha txt

Começe a escrever e pressione Enter para procurar