Pop da rolha influencia a perceção da qualidade do vinho

Home / / Pop da rolha influencia a perceção da qualidade do vinho

A Universidade de Oxford e APCOR apresentaram hoje os resultados de um estudo, feito em Londres durante o mês de julho, em que os participantes consideraram que o vinho tem melhor qualidade (+15%) depois de ouvirem o som da rolha de cortiça ao abrir uma garrafa de vinho.

Estas conclusões foram resultado de uma experiência sensorial em que cada participante provou dois vinhos idênticos e deu-lhes uma classificação enquanto escutava ou o som de uma rolha de cortiça a sair da garrafa, ou o som de uma cápsula de alumínio. Seguidamente, foi-lhes pedido que abrissem ambas as garrafas e as classificassem de novo.

Também se conclui do estudo que o vinho vedado com rolha é mais apropriado para a celebração (+20%) e mais incitador ao espírito de festa (+16%).

“Os nossos sentidos – audição, visão e tato – estão intrinsecamente ligados à forma como saboreamos. O som e a visão de uma rolha de cortiça a sair de uma garrafa define as nossas expectativas, ainda antes de o vinho tocar nos lábios, e essa expectativa vai afetar a nossa experiência gustativa. Estes resultados enfatizam a importância dos vedantes do vinho, e deixam bem evidente a relação que estabelecemos, ainda que inconsciente, entre a rolha de cortiça e a qualidade do vinho”, afirma Charles Spence, responsável pelo estudo da universidade britânica.

A experiência foi promovida pela APCOR numa iniciativa inédita na capital inglesa, que decorreu entre 27 e 29 de julho e em que os participantes puderam entrar no mundo sensorial da degustação do vinho.

Recorde-se que 7 em cada 10 garrafas de vinho produzidas em todo o mundo são seladas com uma rolha de cortiça. Em termos mundiais, 86% dos consumidores afirmam preferir vinho vedado com rolha de cortiça.

Contacte-nos

Não legível? Mude o texto. captcha txt

Começe a escrever e pressione Enter para procurar

GrupoB-restaurante-nunocorreia-23