Outros

Home / Produtos / Outros

Saúde

Nos últimos anos, vários investigadores têm analisado as propriedades intrínsecas do sobreiro, nomeadamente ao nível da casca, da cortiça e das folhas, e as suas vantagens para a saúde. A cortiça possui propriedades físicas, mecânicas e químicas que podem desempenhar um excelente papel no bem-estar do ser humano. As suas notáveis características anticancerígenas, anti-inflamatórias, antibacterianas e antivirais dos polifenóis da cortiça levaram a concluir que estes compostos são agentes antitumorais universais. A cortiça é utilizada em compostos produzidos a partir de subprodutos da indústria que são aplicados em adjuvantes de vacinas para melhorar a resposta do sistema imunitário. E poderá estar em produtos farmacêuticos e cosméticos através de hidroácidos gerados pela reação química de alguns elementos que a constituem. Há, inclusive, estudos em tratamentos anticancerígenos e como repelentes de insetos.

Os taninos têm propriedades antioxidantes e anticancerígenas e podem ser usados em várias aplicações após a extração da cortiça. Os taninos e flavonoides têm suscitado o crescente interesse da comunidade científica devido ao seu elevado poder antioxidante. Os antioxidantes estão intimamente envolvidos na prevenção de danos celulares e podem prevenir o cancro, o envelhecimento e uma diversidade de doenças.

Hollywood

A cortiça também está em Hollywood, sobretudo em cenas com efeitos especiais quando é necessário simular explosões. Os últimos filmes do Batman e da Missão Impossível têm adereços construídos em cortiça que não estragam a maquilhagem dos atores no momento de um cenário explodir.

Música

Graças à sua impermeabilidade, a cortiça oferece boas condições de vedação e favorece a afinação de vários instrumentos. A CatDrums, de Nigo Guedes e André Antunes, é uma marca de baterias com modelos revestidos a cortiça que provoca implicações sonoras no instrumento, como o controlo dos harmónicos das peças. Os componentes de cortiça da empresa Sá Rosas, de Paços de Ferreira, andam em instrumentos de sopro – saxofones, clarinetes, flautas transversais, fagotes, tubas, trompetes, oboés – usados por músicos de várias partes do mundo.

Energia

O pó de cortiça é utilizado na cogeração de energia elétrica, contribuindo assim para a melhoria da eficiência energética que nalgumas empresas chega aos 60%. A leveza e a capacidade de isolamento acústico da cortiça são aproveitadas na energia eólica, nas pás das turbinas. A cortiça é igualmente utilizada em absorventes para controlo de derrames de óleo, hidrocarbonetos ou solventes orgânicos em meios industriais, aquáticos ou estradas.

Ambiente

Partículas de resíduos de cortiça projetadas para o ar comprimido permitem limpar materiais expostos à poluição ambiental. Este processo é utilizado em centrais de produção de energia, isoladores elétricos de postes de alta tensão, monumentos ou fachadas de prédios. As vantagens multiplicam-se: pode ser feito periodicamente já que existe em grande quantidade e não altera as caraterísticas dos materiais, tem resultados evidentes e evita a substituição de componentes após curtos períodos de exposição ou a interrupção do serviço.

Indústria

A cortiça, como isolamento acústico e vibrático, é usada em máquinas, como compressores, elevadores com motores, prensas hidráulicas, teares, turbinas, tornos, geradores, motores. Como isolamento vibrático pode ser aplicada entre o maciço de fundação e a laje onde se instala a máquina, ou aplicada diretamente entre a base da máquina e o pavimento ou fundação ao qual está ligada. O aglomerado de cortiça também é utilizado no revestimento de tubagens. A sua utilização neutraliza os dois principais inimigos de instalações frigoríficas, o calor e a humidade, e avita a penetração, permitindo uma impermeabilização completa da instalação.

Comunicação Social

O mundo da cortiça tem sido abordado, por diversas vezes e diferentes motivos, pelos meios de comunicação social nacionais e internacionais. A matéria-prima não para de surpreender e as notícias sucedem-se. O seu importante contributo nas exportações portuguesas, o impressionante comportamento na vertente económica, a sua presença em eventos de projeção mundial, têm sido alguns dos assuntos abordados pelos media. A primeira revista com capa de cortiça saiu para as bancas em maio de 2014. A APCOR e a Revista Exame juntaram-se nessa publicação suis generis, com primeira página feita em cortiça e no interior vários artigos sobre o setor, evidenciando as atividades de promoção da cortiça nos últimos anos, bem como o investimento realizado na inovação e novos produtos. A APCOR e a Sedacor – Sociedade Exportadora de Artigos de Cortiça, Lda, empresa associada, disponibilizaram o papel de cortiça numa iniciativa que teve ainda como parceiros a Leaseplan, a Bureau Veritas, a AON, a Meo, o Santader e o Portugal Sou Eu.

Arte

O artista plástico Alexandre Farto, conhecido por Vhils, rendeu-se à cortiça. Estreou-se neste material com a escultura Diorama Cork Faktory, peça produzida em cortiça e que homenageia a indústria corticeira, e que está exposta numa das paredes da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira. Seguiu-se Contraste apresentada no Data Center da PT na Covilhã.

O maior mosaico com rolhas de cortiça do mundo é um retrato do Prémio Nobel da Literatura José Saramago e entrou no Guiness Book of Records. Com 400000 mil rolhas, cedidas por várias empresas do setor corticeiro, o mosaico tem 157,12 m2, um alcance de 24 metros de comprimento por 4,5 metros de altura, é da autoria do arquiteto Saimir Strati da Albânia e está no Centro de Artes e Cultura de Ponte de Sor. A iniciativa foi promovida pela Câmara de Ponte de Sor, pela Associação Sete Sóis Sete Luas e por várias empresas de transformação e exploração de cortiça com atividade no concelho.

Os reis de Espanha, Felipe IV e Letícia, têm um retrato em cortiça feito com mais de 30 mil rolhas pelo artista norte-americano Scott Gunderson, que dedicou mais de 300 horas de trabalho a esta peça. O retrato com 2,36 metros de altura e 3,3 metros de comprimento, e um peso de 140 quilos, esteve exposto no stand português da Feira Internacional de Turismo de Madrid no início de 2015. Depois do evento foi oferecido aos reis de Espanha.

O artista tem desenvolvido ao longo do tempo vários trabalhos similares.

Outras Aplicações

olaaaaaaaaa

Os produtos CorkSorb permitem absorver óleos e solventes orgânicos sem absorver água.

olaaaaaaaaa

A lã de cortiça pode ser aplicada em certos tipos de embalagem, mas também no enchimento de colchões, almofadas ou divãs.

olaaaaaaaaa

São produzidos em vários padrões e utilizados em acessórios, nomeadamente em marroquinaria, moda e vestuário.

olaaaaaaaaa

Nos últimos anos, vários investigadores têm analisado as propriedades intrínsecas do sobreiro, nomeadamente ao nível da casca, da cortiça e das folhas, e as suas vantagens para a saúde.

Contacte-nos

Não legível? Mude o texto. captcha txt

Começe a escrever e pressione Enter para procurar