Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda.

Home / Entrevistas associados / Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda.

Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda.

“Servir bem os clientes é o mais importante”, Victor Fernando Oliveira Monteiro, gerente da Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda.

Na década de 80, Victor Fernando Oliveira Monteiro, que dos 11 aos 36 anos trabalhou nos escritórios de uma empresa de cortiça, decidiu que queria estabelecer-se por conta própria. “Já estava há muitos anos no sector e sempre tive vontade de ter uma empresa minha, a situação proporcionou-se e abri a minha fábrica”, lembra Victor Monteiro. Na altura, a empresa em nome individual nasceu em Santa Maria de Lamas e contou com a ajuda de três colaboradores. Em 1983, o primeiro espaço começou a ficar pequeno e a empresa instalou-se no local actual, em Paços de Brandão. Três anos mais tarde nasce a Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda., contando agora com nove trabalhadores – número que se foi mantendo até aos dias de hoje. Em 1989, o empresário conquista um “braço direito” para o negócio. Maria Conceição Monteiro, para além de esposa, passa também a dividir o cargo de gerência e a acompanhar Victor Monteiro no mundo da cortiça. “Eu tralhava numa empresa de papel, não percebia nada do sector, mas a pouco e pouco fui aprendendo … no início até repasse manual cheguei a fazer”, lembra a sócia-gerente.

A Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda. tem como foco a produção de rolhas naturais, com a matéria-prima que compram em Espanha, e rolhas naturais de diferentes dimensões a partir de rolhas que adquirem, conhecido no sector como repasse. Têm o mercado interno como o seu principal cliente, pontualmente já exportaram para Espanha, e fabricam, em média, um milhão de rolhas por mês. Para o casal, que não tem seguidores no negócio, “o mercado interno é suficiente” e tem “consumido a produção que é escoada com frequência.”

Com o lema “servir bem os clientes”, os gerentes da empresa dizem que “estão sempre disponíveis para ir melhorando naquilo que for necessário.” E registam: “temos feitos grandes investimentos na empresa desde que viemos para cá. O espaço foi totalmente remodelado e o investimento em novas máquinas também tem sido constante.”

Como exemplo, Victor Monteiro mostra a mais recente aquisição “uma câmara para a esterilização da cortiça.” Ainda a pensar no cliente, desde 2004 que têm aderido ao Systecode – sistema de certificação das empresas mediante o Código Internacional das Práticas Rolheiras. O empresário recorda a primeira auditoria que teve: “quando chegou o auditor disse-lhe que antes de ir à fábrica queria falar com ele. Ficou um pouco surpreendido. Apenas queria passar-lhe a mensagem de que para mim era importante perceber o que não estava bem na empresa, para corrigir de imediato. Mais relevante do que a aprovação e obter o certificado, era ter a empresa em condições.”

Formação e Informação

O apoio que a APCOR oferece às pequenas empresas nas componentes formação e informação são as mais-valias que os gerentes da Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda. apontam à associação sectorial. Em 2014, a empresa aderiu ao programa Formação PME, promovido pela APCOR, e destacam a formação em áreas como informática, higiene e segurança no trabalho, primeiros socorros, entre outras. “Estou sempre disponível para continuar a aprender em diferentes áreas”, refere Maria Conceição que até a formação na condução de empilhadores já quis fazer. No que toca à informação, os comunicados enviados regularmente para os associados são outro ponto que destacam. “Conseguimos receber informação diversa e sempre actual sobre áreas distintas e isto ajuda-nos a estarmos sempre por dentro das últimas novidades”, afirma Maria Conceição.

In, Notícias APCOR Abril, Maio, Junho 2018

Associado nr.289

Contato: Victor Fernando Oliveira Monteiro, Lda.

Contacte-nos

Não legível? Mude o texto. captcha txt

Começe a escrever e pressione Enter para procurar